• Notícias
  • Brasil promove qualidade da carne brasileira em Anuga

    23/11/2021
    Mais de 70 mil visitantes de 169 países puderam conhecer as ações de inovação e sustentabilidade da pecuária brasileira por meio do projeto Brazilian Beef

    A Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec) em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) promoveram o projeto Brazilian Beef na edição 2021 da feira de Anuga, um dos principais eventos do setor de alimentos no mundo. A feira foi realizada na cidade de Colônia, Alemanha, reuniu mais de 70 mil visitantes de 169 países com a participação de 4,6 mil empresas de 98 países.

    Durante os cinco dias de feira, as associadas à Abiec movimentaram US$ 4,5 milhões em volume de negócios, com a perspectiva de fechamento de novos contratos variando entre US$ 35 milhões e US$ 60 milhões nos próximos 12 meses. "Esses números mostram que a carne bovina brasileira tem grande demanda em todo o mundo, graças ao alto grau de tecnologia que a pecuária brasileira alcançou, produzindo uma carne de alta qualidade e de forma sustentável", diz o presidente da Abiec, Antônio Jorge Camardelli.

    A sustentabilidade foi, inclusive um dos temas de destaque do estande do projeto Brazilian Beef, que apresentou aos visitantes A rota da sustentabilidade, uma área adicional com 231 metros quadrados, onde os visitantes puderam conhecer de perto as ações, protocolos e compromissos da pecuária brasileira que segue os mais rígidos padrões de segurança alimentar associado à produção sustentável. Em 30 anos, por exemplo, a produtividade cresceu 159%, com alta de 122% da produção de carne sem que fosse necessária a abertura de novas áreas de pasto, que aliás, caíram no período 13,6% para 165,2 milhões de hectares em 2020. Os avanços da tecnologia na pecuária protegeram um total de 280,2 milhões de hectares, que deixaram de ser desmatados. Temas como a pegada hídrica da pecuária, o respeito às Áreas de Preservação Permanente e Reservas Legais e a meta firmada pelo Brasil, de redução de 43% da emissão total de CO2 até 2030 também foram apresentados.

    A Europa é um dos mercados mais importantes para a carne bovina brasileira. Somente em 2020, os embarques de carnes para o bloco responderam por 6,24% das exportações totais em volume. No ano passado, o Brasil exportou 170,2 mil toneladas de carne para o continente, com receita de US$ 420,5 milhões. De janeiro a setembro deste ano os embarques para a Europa somaram 69.745 toneladas, com receita de US$ 443,4 milhões.

    Sobre a ABIEC – www.abiec.com.br
    Criada em 1979, a Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (ABIEC) reúne 39 empresas do setor no país, responsáveis por 97% da carne negociada para mercados internacionais. Sua criação foi uma resposta à necessidade de uma atuação mais ativa no segmento de exportação de carne bovina no Brasil, por meio da defesa dos interesses do setor, ampliação dos esforços para redução de barreiras comerciais e promoção dos produtos nacionais. Atualmente, o Brasil produz em torno de 10 milhões de toneladas de carne bovina, aproximadamente 26,1% são negociados para dezenas de países em todo o mundo, seguindo os mais rigorosos padrões de qualidade. Na última década, o País registrou crescimento de 135% no valor de suas exportações.

    Sobre o Brazilian Beef
    Iniciado em 2001, o projeto setorial Brazilian Beef, uma parceria entre Apex-Brasil e ABIEC, tem o objetivo de fortalecer a imagem da carne bovina brasileira, melhorando a percepção de sua qualidade nos países importadores e ampliando, assim, a participação brasileira no mercado mundial de carnes. Em 18 anos, já foram firmados nove projetos, com investimentos de mais de R$ 60 milhões e crescimento das exportações em mais de 500%.

    Sobre a Apex-Brasil
    A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) atua para promover os produtos e serviços brasileiros no exterior e atrair investimentos estrangeiros para setores estratégicos da economia brasileira. Para alcançar os objetivos, a Apex-Brasil realiza ações diversificadas de promoção comercial que visam promover as exportações e valorizar os produtos e serviços brasileiros no exterior, como missões prospectivas e comerciais, rodadas de negócios, apoio à participação de empresas brasileiras em grandes feiras internacionais, visitas de compradores estrangeiros e formadores de opinião para conhecer a estrutura produtiva brasileira entre outras plataformas de negócios que também têm por objetivo fortalecer a marca Brasil.



  • IICA e Fundo Verde do Clima fecham parceria de US$ 100 milhões para projetos de redução das emissões de metano nas Américas

  • Para secretário de Inovação do Mapa, Fernando Camargo, iniciativa pode ajudar países a cumprirem meta de diminuir as emissões de metano na pecuária

    + leia mais
  • Lei de pagamento por serviços ambientais é incentivo para cuidar do pasto

  • Pesquisadores da Embrapa destacaram a ligação entre das boas práticas de manejo do pasto e a nova lei de pagamento por serviços ambientais

    + leia mais


  • Criação de sites