• Genética
  • CRI Genética lança Catálogo Leite Zebu

    28/11/2014
    Bateria de reprodutores zebuínos da CRI se firma como destaque e conta com novas contratações.

    A CRI Genética lançou a nova edição do catálogo de produto Leite Zebu. A coleção 2014/2015 conta com novas contratações nas raças Gir Leiteiro e Guzerá, além de oferecer excelentes opções para o Girolando 5/8 e ¾.  A bateria hoje é composta por 35 dos melhores reprodutores do mercado, sendo 21 no Gir Leiteiro, 11 no Girolando e 03 no Guzerá.

    De acordo com Bruno Scarpa Nilo, gerente de produto leite da CRI, os touros foram selecionados e “pinçados nos melhores plantéis do país, visando animais altamente produtivos, com beleza fenotípica e racial destacada e fertilidade muito acima da média. Saúde, Produção e Fertilidade são critérios de seleção indispensáveis para CRI Genética”.

    Com a certeza de estar no caminho certo em busca dos padreadores que aceleram a melhoria das raças zebuínas leiteiras, a CRI aposta sempre na renovação de linhagens e novas gerações de touros, oferecendo produtos contemporâneos, capazes de promoverem de fato o melhoramento genético das raças zebuínas, com ótimo tipo funcional e potencial produtivo. “Melhoramento genético e evolução de gerações consiste, grosso modo, na obtenção de filhos melhores do que os pais. É nisso que apostamos: Na seleção e escolha dos melhores filhos de grandes touros das raças zebuínos para continuarmos a sempre à frente”, analisa o gerente.  

    Uma das novas contratações no Gir Leiteiro é o touro Jaguari, destaque por vir de uma linhagem que transmite a suas progênies a característica genética de produzir a beta-caseína A2A2. “Estudos têm comprovado que esse tipo de proteína presente no leite é menos alergênico que as do tipo A1A2, sendo então uma possibilidade para aquelas pessoas que costumam apresentar reações alérgicas após o consumo de leite”, explica Nilo.

    Ainda segundo o gerente, além de Jaguari, MIK FIV BELAS ARTES e BLOKE FIV JABAQUARA são dois promissores jovens raçadores. Segundo o gerente de produto leite, “eles já se destacam pela alta fertilidade apresentada nos testes, caracterização racial acentuada, pelagem ideal e características de produção muito evidentes”.

    Disponível: http://www.crigenetica.com.br/upload/downloads/catalogo_leite_zebu_2014.pdf

    Fonte: Berrante Comunicação

     


  • Suplementação mineral é essencial para rebanho, mas exige medida específica

  • Não existe receita de sucesso e é preciso fazer análise real de cada caso

    + leia mais
  • A vez delas também na pecuária

  • Estamos falando das fêmeas bovinas como fiel da balança na hora de melhorar a rentabilidade do negócio. Na cobertura a campo, predominante na pecuária nacional, produzem em média 28 filhotes por ano,

    + leia mais
  • Uma nova revolução

  • Eficiência alimentar passa a ser grande preocupação dos principais selecionadores de bovinos do País. A característica promete conferir maior competitividade à produção de carne vermelha.

    + leia mais
  • Genética no tempo, sem artificialismos

  • Respeitando a fixação de características no rebanho ao longo do tempo sem quaisquer maquiagens nas informações observadas e coletadas no campo.

    + leia mais


  • Escreva um comentário



  • *

    *
    *





  • Comentários (0)



  • Criação de sites