• Sustentabilidade
  • GTPS lança Position Paper em português

    10/08/2016
    O documento em inglês foi entregue na 21ª edição da Conferência das Partes (COP21), realizada em dezembro

    Fernando Sampaio, presidente do GTPS, apresentou inicialmente o documento agora traduzido durante a InterCorte, etapa de São Paulo.

    O Grupo de Trabalho da Pecuária Sustentável (GTPS) lança oficialmente a versão em português do Position Paper “A Pecuária Sustentável e sua Contribuição para o Desenvolvimento Sustentável”. A versão em inglês do documento foi apresentada na Conferência das Nações Unidas sobre Mudança Climática – COP 21, realizada em Paris, mostrando os avanços do setor e posicionando a pecuária como aliada para o cumprimento das metas firmadas nos acordos mundiais.

     O objetivo do documento, construído em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), é divulgar os avanços da pecuária brasileira, reunir dados sobre os desafios da sustentabilidade relacionados com a atividade, além de organizar estas informações como uma forma de promover um debate aberto e construtivo sobre as questões transversais do setor.

     No material, há informações atualizadas sobre temas como desmatamento, emissões de gases de efeito estufa, pastagens degradadas, obstáculos à intensificação, uso da água e perda de biodiversidade, entre outros.

     “Os desafios para definir e promover uma pecuária sustentável no Brasil estão diretamente relacionados com os tópicos descritos no documento. A pecuária, além de ser extremamente importante para a segurança alimentar no Brasil e no mundo, necessita intensificar a sua produção para suprir o aumento da demanda mundial por carne bovina”, destaca o Presidente do GTPS, Fernando Sampaio.

     Acordo firmado em Paris

     Na COP 21, 195 países se comprometeram a reduzir as emissões e adaptar e recuperar os ecossistemas. As contribuições do Brasil envolvem não só a redução do desmatamento, mas também a restauração de 12 milhões de hectares e a recuperação de até 15 milhões de hectares de pastagens.

    O Position Paper pode ser acessado no link: http://goo.gl/5tuNng

    Sobre o GTPS

     O Grupo de Trabalho da Pecuária Sustentável (GTPS) é a primeira mesa redonda mundial sobre práticas sustentáveis na cadeia da carne bovina e referência para países como Argentina, Uruguai, México e Austrália. É formado por representantes de diferentes segmentos que integram a cadeia de valor da pecuária bovina no Brasil, entre eles indústrias, organizações do setor, produtores e associações, varejistas, fornecedores de insumos, bancos, organizações da sociedade civil, centros de pesquisa e universidades. O objetivo do GT é debater e formular, de maneira transparente, princípios, práticas e padrões comuns a serem adotados pelo setor, que contribuam para o desenvolvimento sustentável da atividade pecuária, trazendo mecanismos para que ela seja socialmente justa, ambientalmente correta e economicamente viável.

    Fonte: GTPS / Alfapress

  • Agro tem papel de destaque na preservação ambiental

  • Cálculos do Grupo de Inteligência Territorial Estratégica (Gite) da Embrapa, a partir das análises de dados geocodificados do Cadastro Ambiental Rural (CAR), mostram significativa participação da agri

    + leia mais
  • Rally da Pecuária 2017 vai a campo em cenário de maior oferta

  • Produtores mais tecnificados tendem a manter ou até aumentar a rentabilidade apesar da queda nos preços

    + leia mais
  • iLPF proporciona estabilidade da oferta de forragem na propriedade leiteira

  • A região de Unaí, no Noroeste de Minas Gerais, é uma das principais bacias leiteiras do estado. Além do período da seca, a forte influência de veranicos e as altas temperaturas durante as águas são um

    + leia mais


  • Escreva um comentário



  • *

    *
    *





  • Comentários (0)



  • Criação de sites