• Nutrição
  • Microminerais podem potencializar o desempenho de bezerros durante o período de recria

    21/06/2017
    Estudo americano avalia o impacto da biodisponibilidade de fontes microminerais sobre os desafios enfrentados pelos animais recém-chegados

    Investir em um sistema de recria é uma prática comum na cadeia do gado de corte, mas que exige alguns cuidados especiais. Quando os bezerros vêm de leilões, por exemplo, ficam submetidos a vários fatores de risco, como os patógenos de enfermidades provenientes do contato com outros animais e o estresse do transporte. No futuro, essa experiência pode refletir, diretamente, em seu desempenho, por meio da ação de agentes oportunistas. Esses transmissores podem aproveitar a baixa imunidade do animal, acometido pelo stress, e levá-lo à um quadro de morbidade. Mas, estudos desenvolvidos pela Zinpro Performance Minerals demonstram que é possível diminuir o impacto negativo do estresse sobre a retenção mineral, a imunidade e o crescimento do animal, por meio da adoção de um programa de microminerais.

    A pesquisa realizada pelo Dr. E. B. Kegley, na Universidade de Arkansas (EUA), acompanhou o desenvolvimento de 288 bezerros machos com média de 239 kg, obtidos de leilões no centro-sul do Estado de Arkansas e no leste de Oklahoma. Os animais foram divididos em três grupos e enviados para a Universidade de Arkansas Beef Cattle Facility, em Savoy, durante um período de três meses. Após a identificação individual, os bezerros receberam alguns cuidados especiais, foram processados, vacinados contra viroses e clostridiose, vermifugados, castrados com anéis elásticos e, aqueles que tinham chifre, tiveram as pontas das estruturas cortadas.  O rebanho também foi pesado e marcado novamente para determinar o peso inicial.

    Logo depois, os bezerros foram divididos aleatoriamente dentro de quatro blocos de peso baseados na pesagem de entrada no confinamento, e, em seguida, separados por baias – duas por bloco de peso, entre 11 e 13 animais/baia. Eles foram alojados em piquetes de gramínea de 0,45 hectares e receberam suplementação com grãos, que serviu como veículo para a alimentação. Os tratamentos, compostos por suplementos diários de Zinco (360 mg/cabeça), Manganês (200 mg/cabeça), Cobre (125 mg/cabeça) e Cobalto (12 mg/cabeça), foram oferecidos sob duas formas: Availa-4 (complexo zinco-aminoácido, complexo manganês-aminoácido, complexo cobreaminoácido e cobalto glucoheptonato) ou inorgânico convencional (sulfato de zinco, sulfato de manganês, sulfato de cobre e carbonato de cobalto).

    Para manter uma quantidade constante de ingestão dos microminerais, três suplementos foram formulados para cada tratamento, com base nas taxas de fornecimento diário, evoluindo de 0,91 kg/cabeça, 1,36 kg/cabeça e 1,81 kg/cabeça, de acordo com o desenvolvimento dos animais. Além da suplementação, os bezerros tiveram acesso ad libitum a feno de capim bermuda (10,1% de proteína bruta na matéria seca) e vacinas de reforço, no 14º dia.

    Os animais eram acompanhados de perto por observadores especializados e submetidos a avaliações clínicas, com pesagens, análise sobre a imunidade, desempenho de crescimento, custos de medicamentos e número de tratamentos por bezerro. Resultados do estudo mostram que durante o período de recria (42 dias), os animais tratados com Availa-4 tiveram maior ganho médio diário (GMD) e maior peso final, se comparado aos bezerros suplementados com os mesmos teores de microminerais no tratamento inorgânico. “A combinação de aminoácidos e microminerais torna mais eficiente a absorção intestinal dos nutrientes, contribuindo para a potencialização dos resultados”, afirma Pedro Ferro zootecnista, gerente de contas beef da Zinpro Performance Minerals. Durante o estudo, foi observada uma melhora de 4,6 kg de peso nos animais na saída da recria, devido ao registro de um GMD 0,11 kg/dia maior.

    Apesar de a dieta alimentar não influenciar a resposta de anticorpos à vacinação e o número médio de tratamentos com antibióticos - cerca de 63% dos bezerros foram tratados de doenças respiratórias durante o estudo - a análise de resultados apontou que houve uma tendência de redução do número de bezerros que demandaram um segundo tratamento com antibiótico para enfermidade respiratória bovina entre os alimentados com Availa-4. “O programa de suplementação com Availa-4 potencializou o uso da medicação. Os animais apresentaram melhoras na resposta imunológica e no desempenho de crescimento”, explica Ferro, destacando que esses ganhos refletem na redução de custos com a operação.

    Sobre a Zinpro Performance Minerals

    A Zinpro Performance Minerals está há quase 50 anos no mercado de minerais de performance, desenvolvendo produtos baseados em pesquisas de desempenho animal, para garantir ao produtor melhor retorno sobre o investimento.

    Fonte: Zinpro / Rede Comunicação



  • Por uma nova pecuária brasileira

  • O livro Carne e Osso lançado em 2015 pela Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne traz um relato inédito sobre as origens e a evolução da indústria da carne brasileira, a reboque da

    + leia mais
  • Agro tem papel de destaque na preservação ambiental

  • Cálculos do Grupo de Inteligência Territorial Estratégica (Gite) da Embrapa, a partir das análises de dados geocodificados do Cadastro Ambiental Rural (CAR), mostram significativa participação da agri

    + leia mais
  • iLPF proporciona estabilidade da oferta de forragem na propriedade leiteira

  • A região de Unaí, no Noroeste de Minas Gerais, é uma das principais bacias leiteiras do estado. Além do período da seca, a forte influência de veranicos e as altas temperaturas durante as águas são um

    + leia mais


  • Escreva um comentário



  • *

    *
    *





  • Comentários (0)



  • Criação de sites