eskişehir televizyon tamirDiş eti ağrısıAntika mobilya alanlarwordpress en iyi seo eklentilerihttps://www.orneknakliyat.comantika alanlarEtimesgut evden eve nakliyathayır lokmasıpendik evden eve nakliyatbeykoz evden eve nakliyatdarıca evden eve nakliyateskişehir protez saçavcılar lokmacıankara ofis taşımacılıgıankara parca esya tasımatuzla evden eve nakliyatAnkara implant fiyatlarıodunpazarı emlakmersin evden eve nakliyatığdır evden eve nakliyatvalizweb sitesi yapımıçekici ankaraAntika alan yerlerEtimesgut evden eve nakliyateskişehir web sitesiMedyumMedyumlarEtimesgut evden eve nakliyatankara evden eve nakliyatantika alanlarmamak evden eve nakliyatankara evden eve nakliyatankara evden eve nakliyatçankaya evden eve nakliyatistanbul saç ekimiEtimesgut evden eve nakliyatniğde evden eve nakliyateskişehir emlakgoogle ads çalışmasıtuzla evden eve nakliyateskişehir uydu tamirtomi club maldivespoodleeryaman evden eve nakliyatpoodlepomeraniandextools trendingdextools trending botfront run botdextools trending costdextools trending servicepancakeswap botdextools botdextools trending algorithmcoinmarketcap trending botpinksale trending botcoinmarketcap trendingfront running botpancakeswap sniper botuniswap botuniswap sniper botmev botpinksale trending botprediction botGaziantep uygun evden eve taşımaköpek ilanlarıMedyumeskişehir evden eve nakliyatantika alanlarmersin evden eve nakliyatcasibomseo çalışmasıistanbul hayır lokmasıgoogle adsbeykoz evden eve nakliyatbetturkeyUc Satın aloto çekicipoodle

maio 19, 2024

REPORTAGEM ESPECIAL: FAZENDA MONALISA, UM MODELO DE RECONVERSÃO PECUÁRIA PARA O MUNDO

Legenda: Levy Cangussu, sobre o cavalo, ladeado pelo filho, o médico veterinário Mauroni Cangussu e a esposa, engenheira agrônoma Glaucia Cangussu.

Por Marisa Rodrigues, publisher do portal Boi a Pasto

Desde 2015, a Fazenda Monalisa, de propriedade da família do médico veterinário Mauroni Cangussu, adquirida na década de 80, por seu pai, o pecuarista Levy Cangussu, tornou-se um exemplo inspirador de sucesso na implementação de práticas sustentáveis. Ao se mudar para o Maranhão, após o trágico incêndio que deixou sua fazenda em Carlos Chagas, Minas Gerais, infértil por longos anos, Levy Cangussu decidiu que nunca mais colocaria fogo em um pé-de-cana, de tão traumatizado que ficou com os resultados obtidos pela queimada que se alastrou por suas pastagens, devastando-as. Aliás, tal ação era comum, à época, pois era uma tradição cultural que advinha dos índios Aimóres, quando se acreditava que após as queimadas, seguidas das chuvas, as plantações brotariam bonitas e fortes, eliminando-se o trabalho anterior de capinação ou gradeação das mesmas.

Infelizmente, naquele ano, as chuvas demoraram muito para chegar, o que levou à devastação das pastagens e da própria fazenda, que viveu um terrível cenário de destruição pois o rebanho ficou sem comida e morrendo à míngua. Levy Cangussu assistiu com a família, a uma verdadeira tragédia que havia começado por suas próprias mãos, momento em que ele decidiu que era hora de mudar sua abordagem em relação à agricultura e pecuária. Inspirado pela lição aprendida, ele optou por nunca mais repetir o erro do passado e, em vez disso, investir em práticas sustentáveis.

Legenda: Acima, diversas imagens da FML que demonstra a perfeita integração do rebanho com as pastagens que crescem no meio da flora originária, sem nenhum ponto de degradação, além de se beneficiarem da sombra oferecida pelas árvores que possibilitam uma temperatura bem mais amena do que nas áeas externas da fazenda, proporcionando saúde e bem-estar aos animais, em tempo integral.

Braço direito do pai, o pecuarista Mauroni Cangussu observa que a jornada de transformação da Fazenda Monalisa começou com uma busca incansável por conhecimento e parcerias. Ele se recorda que logo que chegaram à região maranhense, em busca de expansão dos negócios, as terras que adquiram tinham 900 hectares, porém, cerca de 700 hectares “eram verdadeiros campos de futebol”, como era comum se referir à terras degradadas, à época, na região. O empresário não teve outra alternativa se não envolver-se em pesquisas, participar de cursos e colaborar com especialistas em manejo sustentável e pecuária regenerativa, tanto do próprio Maranhão, como de diversas regiões do País, e até de diversas partes do mundo, como a Universidade Federal de São João Del Rey MG), o CIPAV, da Colômbia, Jaipur, na Índia e até na Mongólia.

Toda essa dedicação levou-o a transformar a fazenda ML num laboratório vivo para o desenvolvimento de novas técnicas pecuárias, bem como a implantação de inovações tecnológicas na área, decidindo-se por iniciar um processo de regeneração das pastagens e implementando a pecuária regenerativa. Segundo Mauroni, essa decisão foi motivada pela busca por um sistema que pudesse não apenas recuperar a saúde do solo mas, também, preservar e melhorar o meio ambiente. Ele sabia que precisaria desafiar a tradição de queimadas, e encontrar um caminho sustentável para a gestão da terra. Obviamente que o processo de reconversão das pastagens degradadas em terras férteis na Fazenda Monalisa exigiu tempo, paciência e um planejamento cuidadoso. Ele foi iniciado com a análise detalhada do solo, identificando suas deficiências e necessidades específicas. Com base nessas informações, o pecuarista começou a introduzir uma variedade de técnicas e práticas de manejo sustentável.

A restauração da paisagem começou com a implementação de sistemas de rotação de pastagens. Mauroni dividiu a fazenda em várias áreas, permitindo que cada uma delas se recuperasse enquanto outras eram utilizadas pelo gado. Isso evitou a super- exploração e proporcionou tempo para que a vegetação se regenerasse. Além disso, o veterinário introduziu espécies de plantas nativas e adaptadas à região, visando aumentar a diversidade vegetal e melhorar a qualidade do solo. Ele plantou leguminosas fixadoras de nitrogênio, como o Feijão Guandu e a Leucena, que são capazes de enriquecer o solo e melhorar sua estrutura. “Essas plantas também fornecem forragem de alta qualidade para o gado”, informa.

O processo de regeneração das pastagens durou vários anos, à medida que as plantas nativas foram – gradualmente – brotando e se mesclando à paisagem. Mauroni adotou uma abordagem holística, observando e respondendo às necessidades do ecossistema em constante evolução. A diversidade da vegetação aumentou de modo significativo, proporcionando uma base sólida para a restauração ecológica da fazenda. Com as pastagens em processo de recuperação, Mauroni introduziu a atividade pecuária de ciclo completo na Fazenda Monalisa, quando o gado é criado de forma sustentável, seguindo princípios éticos e de bem-estar animal. “O rebanho tem acesso a pastagens saudáveis e diversificadas, se alimentando de forma natural e se movimentando livremente”, explica o empresário.

É importante destacar que o sistema de pecuária de ciclo completo envolve a criação de gado desde o nascimento até o abate, eliminando a necessidade de movimentar os animais para outras propriedades, o que reduz o estresse e contribui para o manejo sustentável da fazenda. O fazendeiro explica que a reintrodução do gado na área desempenha um papel importante no processo de regeneração, pois os animais auxiliam na dispersão de sementes, causando a fertilização natural do solo e a ciclagem de nutrientes. “O pastejo controlado contribui para a manutenção da vegetação e estimula o crescimento saudável das plantas”, assinala.

O compromisso de Mauroni com a pecuária regenerativa e a restauração da Fazenda Monalisa trouxe resultados significativos ao longo do tempo. A paisagem degradada foi transformada em um ambiente biodiverso e saudável, com solos mais férteis e pastagens resistentes. A fazenda se tornou um exemplo de sucesso na implementação da pecuária sustentável e é reconhecida como modelo pelo seu compromisso com a sustentabilidade global. A história da Fazenda Monalisa mostra que é possível reverter os danos causados à terra e implementar práticas agrícolas que beneficiam tanto a produção de alimentos quanto o meio ambiente, tanto que ela se transformou em um case de sucesso quando apresentada em uma das palestras promovidas por Mauroni no exterior, durante a Global Sustaintable, no Kansas em 2015. Não há dúvidas que Mauroni Cangussu empreendeu uma verdadeira jornada do herói quando decidiu transformar a FML no exemplo de pecuária regenerativa que ela é hoje, o que inspira outros agricultores e pecuaristas a adotarem abordagens sustentáveis em suas atividades, abrindo caminho para um futuro resiliente e regenerativo.

Legenda: Visita de estudantes de veterinária, agronomia e zootecnia da região, em dia de campo na Fazenda Monalisa. A propriedade está sempre aberta à recepção de produtores, pesquisadores, empresários, que vão até lá interessados em conhecer de perto os benefícios da pecuária regenerativa na prática.

Fonte: Entrevista com o engenheiro e pecuarista Mauroni Cangussu, proprietário da Fazenda Monalisa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter para ficar atualizado.

POST RECENTES

A tecnologia contra o desperdício de alimento

Em 27 de março, o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) divulgou um dado alarmante:  mais de 1 bilhão de refeições foram desperdiçadas por dia, em 2022, em todo o mundo. Isso ocorre enquanto 783 milhões de pessoas passam fome e um terço da população mundial enfrenta algum tipo de insegurança alimentar, de acordo com o Relatório do Índice de Desperdício de Alimentos 2024. O impacto ambiental também impressiona, pois o desperdício de alimentos é responsável por emissões de gases de efeito estufa cinco vezes maiores do que as do setor de aviação.

Leia Mais »

USP e Embrapa oficializam parceria para pesquisas em rastreabilidade

Pesquisas voltadas à sustentabilidade da agricultura estão no foco de um novo acordo assinado no último dia 11 entre a Embrapa e a Universidade de São Paulo (USP). O protocolo de intenções acordado abrange o uso compartilhado do Centro de Agricultura Tropical Sustentável (STAC) da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz da USP.

Assinado durante o Fórum de Agricultura Tropical Sustentável, realizado na capital paulista, na USP, o documento tem como objeto trabalhos de desenvolvimento de métricas e selos de sustentabilidade ligados às práticas ESG, sigla em inglês para definir a abordagem de governança ambiental, social e corporativa.

Leia Mais »
hacklinkbig bass bonanzaSweet bonanza demoCasinoslotgates of olympus oynaSweet bonanza demosugar rush oynaCasinoslotBahisnowbayan escortTürkiye Escort Bayanbuca escortKlasoyun TwitterKlasoyun Giriş TwitterUltrabet TwitterBetsoo Giriş Twitterfethiye escortbornova escortmarsbahisDeneme Bonusu Veren Sitelercasibom girişŞişli escortizmir escortDenizli escortMalatya Escortşanlıurfa escortHacklinkBeşiktaş escortAtaşehir escortBeylikdüzü escortkadıköy escortcialisViagraBahis siteleriBeylikdüzü escortmasözmasözantalya escortcasibombetturkeyfixbetdeneme bonusu veren sitelerdeneme bonusu veren sitelercasibombets10jojobet girişpusulabetbaywinGrandpashabetcasibom girişholiganbet girişbettiltcasibom girişslot sitelerisekabetbetmatikbetkanyonsekabetholiganbetbetmatikcasibomcasibomcasibomcasibomcasibomcasibomcasibomcasibomcasibomhitbetsahabetsahabetbettiltvdcasinoilbetcratosroyalbettümbetbaywinslot sitelericanlı casino sitelericasino sitelerislot siteleribahis siteleribaywinİnterbahisbelugabahismadridbetcasibomcasibombetkom girişcasibomcasibommarsbahiscasibomcasibomcasibomcasibomcasibomcasibomcasibomcasibomcasibomBetoffice girişPusulabetBelge istemeyen bahis sitelerisahabet1xbetbahiscombycasinoikimisliorisbetkaçak maç izlecasibom girişcasibom girişcasibom girişcasibom giriş twittercasibom girişcasibom girişcasibom